7 Motivos Para Empreender: Qual é o Seu?

motivos-para-empreender

O sonho de muita gente é deixar a vida de empregado e integrar o grupo dos empreendedores. Mas o que é preciso para que isso aconteça? Por que as pessoas empreendem?

Os motivos para empreender são diversos, desde conquistar bens até colocarem em práticas seus propósitos de vida. Separamos alguns deles para te ajudar a identificar, levando você à decisão de mudar de vida, gerando ideias de negócios e criando soluções para si e outras pessoas.

Desde já indicamos para você um caminho que alguns empreendedores optam na hora de começar a empreender. Trata-se do WorkshopME de Desenvolvimento de Negócios Digitais, um treinamento que aborda de forma criativa e inovadora o desenvolvimento de negócios na internet.

Agora vamos aos 7 motivos!

#1. Conquistar a independência financeira

Encabeçando a lista, temos o intenso desejo de poder comprar o que quiser e quando quiser. Quando um salário fixo, mesmo que razoável, não supre essa necessidade, as pessoas são impulsionadas a criarem seus próprios sistemas de lucro.

A independência financeira é um dos lados do ‘triângulo das liberdades’, que proporciona uma vida melhor e mais digna para quem escolheu o empreendedorismo como fonte de lucro. Ter seu próprio negócio é poder realizar o sonho de ter o dinheiro que se sonha.

#2. Ter liberdade geográfica

Quem disse que não é possível estar preso a um espaço geográfico reduzido? Alguns desenvolvem ideias de negócio na intenção de trabalharem em qualquer lugar. A internet permite isso. É a vantagem da mobilidade.

Você não precisa mais de uma parafernália e fios para estar conectado. Basta ter um aparelho ligado à rede para se comunicar com qualquer pessoa de onde estiver. Então, isso mostra que aquela história de trabalhar na beira da praia ou de um quarto de hotel é mesmo possível.

#3. Ter liberdade de tempo

Quem já trabalhou de segunda a sábado tendo que encarar longas horas de trânsito, sabe bem o que é “não ter tempo para mais nada”. Um grupo expressivo de indivíduos decide empreender para administrar o próprio tempo.

Seja para se viver mais com a família, se dedicar ao hobby, ou até mesmo viajar e curtir a vida. Bem, aqui alguns acabam se enganando, pois um negócio próprio também sacrifica o tempo. A única diferença é que pode ser muito mais flexível e do que um emprego. O que representa grande vantagem em longo prazo.

Isso não significa trabalhar menos, mas sim trabalhar com inteligência usando o tempo ao seu favor.

#4. Fugir da monotonia

Parece um motivo fraco, mas muita gente decide criar seu próprio negócio por não suportar suas próprias rotinas. Cumprir horários, realizar o mesmo percurso todos os dias, ver as mesmas pessoas, escrever o mesmo tipo de relatório… Dá agonia só de pensar.

Deixar a segurança de um emprego CLT ou de um concurso público para empreender é uma ótima forma de fugir da burocracia trabalhista. Afinal, existem coisas melhores do que passar a vida toda atrás de uma mesa de escritório engolindo processos e “empurrando sistemas com a barriga”.

#5. Desejo de causar impacto positivo na vida de pessoas

Necessidade e profunda vontade de causar impacto na vida de outros. Ajudar pessoas, solucionar problemas que elas enfrentam, enfim, ter a chance de criar ambientes em que outros possam se beneficiar.

Aqui entra uma grande questão: é possível ajudar pessoas e ganhar dinheiro? Muita gente acredita que não, mas isso não passa de crença limitante. Toda profissão, de forma direta ou indireta, tem um ser humano como alvo final. Então, não duvide de que é possível empreender ajudando pessoas. Na verdade, esse é um justo motivo.

#6. Ter a solução para problemas comuns do dia-a-dia

Alinhado ao motivo anterior, é possível criar ideias de negócios com base em soluções para problemas reais do cotidiano. É um desejo interno de auxiliar a outros. Um grande feito que se enquadra nesse conceito é a invenção da lâmpada elétrica. O mundo todo se beneficiou de um objeto inventado por um homem que decidiu resolver um problema comum.

O Google é outro grande exemplo. Quantas e quantas pessoas não são beneficiadas por ele todos os dias? Alguém teve a ideia de criar um buscador inteligente para solucionar o problemas da busca de informações.

#7. Paixão pelo conceito ou área em que se pretende atuar

A paixão leva a empreender! Uma dos conceitos que pregamos na Mentalidade Empreendedora é a possibilidade alinhar trabalho à paixão. Se você é fascinado por algum ofício, não precisa necessariamente trabalhar para os outros.

Desenho, jardinagem, escrita, oratória, matemática, qual área mais te deixa feliz? Identifique e comece a gerar uma ideia de negócios. Quem sabe não está aí a oportunidade de crescer na vida e nos negócios.

Se você começa a trabalhar em suas metas, suas metas começam a trabalhar em você. Se você começa a trabalhar em seu projeto, seu projeto começa a trabalhar em você. Qualquer que seja a coisa boa que construímos, ela acaba por nos construir.  – Jim Rohn

Então, existe outro motivo que te levou a empreender? Interaja nos comentários!

  • Muito bom Artigo, como sempre !