Existe relação entre falta de emprego e o sistema educacional?

O termo Educação Empreendedora data do século XVII e tem origem no ramo da economia, com Jean-Baptiste Say (1767 – 1832). Esse tipo de educação tem por objetivo inspirar nos alunos a vontade de empreender.

A educação empreendedora pode estar presente em várias etapas do ensino, desde a escola até a formação profissional, inclusive com cursos voltados exclusivamente para o assunto, como é o caso do Empretec, oferecido pelo SEBRAE.

Hoje no Brasil destaco dois grandes problemas que enfrentamos, um deles é a falta de emprego. Algumas pessoas dizem que esse problema com a falta de emprego é ocasionado por conta do reflexo da crise no país, e que por isso, já contamos com mais de 10 milhões de desempregados.

O segundo grande problema é o nosso sistema educacional. Desde quando crianças, somos ensinados para nos tornar empregados. Isso nos torna dependentes de que outras pessoas criem negócios para que haja geração de empregos.

Investir em uma educação empreendedora significa investir no futuro sócio econômico de um país. Tento em vista as dificuldades econômicas encontradas no Brasil, empreender pode ser a solução para aqueles que não conseguem um local no mercado de trabalho.

É justamente no desenvolvimento dessa educação que nós do Mentalidade Empreendedora atuamos. Trabalhamos para ajudar pessoas a terem em mãos a chance para alavancar suas vidas através do empreendedorismo. Acreditamos que criar o próprio emprego é uma das formas mais relevantes de transformar um pais.

Alguns acreditam que o empreendedorismo é um dom, e que apenas uma pequena parte da humanidade pode possui-lo. Mas isso é um equívoco. É possível aprender a empreender, e essa é uma grande chave para todos que querem ter uma vida melhor.

Mais conteúdos que vão te ajudar com a educação empreendedora: