O Segredo Nº3 que Aprendi com um Grande Empreendedor

“Pouca coisa bem aprendida e bem praticada.”

Essa frase que um mentor me disse uma vez diante a minha procura incessante por informação. Muitas vezes, queremos aprender tanto, que não conseguimos colocar o que aprendemos em prática. Assista ao vídeo e veja como esse conceito funciona.

Saber demais pode deixar seu cérebro obeso. Isso se você praticar o que aprende… Por isso que eu considero a execução muito importante. Pois de nada vale ter muito conhecimento e gerar poucos resultados.

O “learner”, o aprendiz, é um tipo comum de profissional. Ele lê, estuda, consome vídeos, ouve podcasts, acessa blogs, enfim, vive como um caçador de informação. Mas, muitas vezes, não coloca para fora o que sabe.

Esse problema pode levar a pessoa a ter problemas com o excesso de informação, o que pode prejudicar diretamente os resultados dela como empreendedor.

Confira duas frases que destacam bem a importância de se executar mais do que aprender:

“O sucesso não está na estratégia, está na execução”. – Bernardo Hees, CEO da Heinz.

“Nós temos um planejamento estratégico. Ele se chama: fazer as coisas.”- Herb Kelleher

Estes conceitos fazem link com o que eu ouvi do meu mentor e cito no vídeo acima…

Meu objetivo é que você, ao ler este post, fique plenamente consciente de que mais do que aprender e consumir conteúdos, é preciso executar o que se aprende.

Lembre-se:

Pouca coisa bem aprendida e praticada. Isso é mais poderoso até do que diplomas na parede, quantidade de livros lidos e informação gravada na memória.

Para fechar, vou te dar um link de um e-book que eu escrevi justamente para te ajudar a vencer o excesso de informação e focar no que realmente importa na hora de desenvolver um negócio. Confira!

Vença o excesso de informação e empreenda!

Ouça também o podcast!