Empresas milionárias estão adotando o modelo de venda recorrente (Você também deveria)

O modelo de venda recorrente tem crescido vertiginosamente no mercado nos últimos anos.

Isso porque esse é um modelo que, além de trazer mais lucratividade para um negócio, também atende aos novos hábitos de consumo da sociedade contemporânea.

As pessoas buscam cada vez mais comodidade e praticidade para fazer suas compras, e por isso estão buscando consumir produtos e serviços através de clubes de assinaturas.

Dessa forma, o consumidor se torna um cliente contínuo dessas empresas que trabalham com venda recorrente através de planos de assinatura. Aliás, esse tem sido o principal tema de nossa tribo!

Com esse modelo de operação, a empresa deixa de trabalhar sua oferta apenas como produto ou um serviço avulso. O foco passa a ser no relacionamento do cliente com a empresa através da prestação de um plano de serviço com vantagens exclusivas.

Diversos segmentos de mercado estão explorando o modelo de venda recorrente: e-commerces, suprimentos, pet shop, higiene e saúde, lavanderia, comércio de bebidas, softwares, entretenimento, educação, e mais uma lista infindável.

Neste artigo vamos falar mais sobre o modelo de venda recorrente, veremos alguns exemplos de grandes player do mercado e as vantagens de se utilizá-lo no seu negócio.

Fique ligado nos próximos parágrafos para não perder nenhum detalhe, ok?

Gigantes do mercado e a venda recorrente

venda recorrente

Para ter uma noção do potencial do modelo de venda recorrente, a Amazon (maior varejista do planeta) lançou um marketplace para clubes de assinaturas. Nele, o assinante pode fazer assinaturas de vários clubes pertencentes ao catálogo, e gerencia todas elas pelo seu próprio login na Amazon.

O Grupo Pão de Açúcar também lançou seu modelo de venda recorrente com o seu plano de assinatura de vinhos, o “Viva Vinhos”. O cliente recebe em casa, sem custo de frete, garrafas de vinhos de rótulos exclusivos. Além disso, recebe outras vantagens exclusivas do clube, além de conteúdo personalizado com dicas e informações sobre vinhos.

A P&G, outro grande gigante do mercado, entrou no mercado com um modelo de venda recorrente. É o clube de assinaturas Gillette Club. O assinante recebe periodicamente um kit com produtos para barbear, sem a cobrança de frete.

Outro grande player de venda recorrente é o famoso Netflix. A empresa revolucionou o mercado de entretenimento áudio visual, oferecendo uma plataforma de assinatura mensal onde o usuário tem acesso a um enorme catálogo de séries, shows, filmes e documentários.

O Spotify é um outro grande exemplo de modelo de venda recorrente. Trata-se de uma plataforma onde os usuários assinantes podem ouvir músicas, criar suas playlists, compartilhar seus gostos musicais com amigos, e ainda descobrir novas sonoridades.

Cada vez mais empresas estão incorporando o modelo de venda recorrente em suas operações de marketing. Há uma crescente demanda de consumidores que buscam esse tipo de solução para tornar a vida mais prática.

O sucesso do modelo de venda recorrente é uma crescente, pois proporciona diversos benefícios ao negócio. Vamos ver quais são? Depois disso você vai querer implantar o modelo em sua empresa!

#1 -Venda recorrente traz previsibilidade de receita

Através da sua base de assinantes no modelo de venda recorrente, você terá uma previsão da demanda a ser suprida no mês seguinte, sabendo quantos clientes terá para atender.

Dessa maneira o seu fluxo de caixa fica mais saudável e contínuo, evitando quedas abruptas das vendas de uma empresa.

#2 – Controle financeiro otimizado

venda recorrente

Sendo implantada a cobrança recorrente, sua empresa terá muito mais controle sobre as contas a receber.

Sabendo as datas de entrada e volume dos pagamentos, será possível fazer projeções mais realistas. Dessa maneira, você poderá tomar decisões mais acertadas para o crescimento da sua empresa.

#3 – Automatização com a venda recorrente

Através dos mais diversos sistemas de pagamentos e cobranças que existem hoje, graças às tecnologias de comunicação, tudo isso pode ser automatizado.

Isso minimiza os esforços do time financeiro da sua empresa e reduz as chances de acontecerem erros nos processos de cobrança.

#4 – Venda recorrente fideliza seus clientes

Oferecendo comodidade e praticidade, pontos muito valorizados pela sociedade de consumo atual, com esse modelo você consegue estabelecer uma conexão e relacionamento mais diretos, de forma a mantê-lo como cliente.

Aqui é importante destacar: para a empresa que usa o modelo de venda recorrente não basta apenas ter um bom produto ou serviço; a experiência do cliente com o relacionamento que a empresa oferece é muito mais preponderante agora.

Diferente do modelo tradicional de venda, a relação de consumo do seu cliente com o seu produto ou serviço não termina na primeira experiência.

#5 – Crescimento rápido e sustentável

Imagine que você investiu em prospecção de novos clientes para o seu modelo de venda recorrente, e conseguiu 30 novos assinantes.

Mas no mês seguinte, por uma questão estratégica da sua empresa, você decide investir menos em prospecção, e dessa vez consegue apenas 10 novos clientes.

Como a sua proposta é um modelo de recorrência, nesse mês você não terá apenas 10 clientes, mas sim 40 clientes ativos.

Grosso modo, com um modelo de assinatura e venda recorrente, aos seus esforços em conquistar novos clientes são acumulativos.

Uma vez que um cliente é conquistado e mantido na base de consumidores, diminui-se também os investimentos necessários para prospecção de clientes.

Todas essas questões proporcionam um crescimento muito mais exponencial para as vendas do seu negócio.

#6 – Maior percepção de valor dos seus produtos para os consumidores

Para alguns produtos ou serviços, ainda é possível adotar estratégias que coloquem os consumidores em contato com a experiência da assinatura do serviço.

Um software, por exemplo, pode oferecer versões gratuitas de teste. Dessa forma, o prospect passa pela experiência do uso da sua solução, podendo ser mais impactado pela sua oferta e se tornar um assinante.

Você pode adotar uma estratégia semelhante para aumentar o ticket médio de cada assinante, oferecendo planos de assinaturas com mais vantagens.

No mesmo exemplo de uma empresa de software, pode oferecer a um assinante ativo uma atualização com mais recursos, por tempo limitado também.

Para uma assinatura de produtos físicos, você pode oferecer um item a mais no pacote, para que o cliente experimente o novo produto e assine um pacote que também o inclua.

Implante o modelo de venda recorrente no seu negócio

Imagine se você você pudesse iniciar o mês com metade das vendas da sua meta mensal garantida. Seria ótimo, não é?

Essa é a maior vantagem da venda recorrente, você tem maior previsibilidade da receita do seu negócio. E isso você alcança construindo uma base de consumo contínuo através da fidelização dos seus clientes em troca de comodidade, praticidade e exclusividade.

O desenvolvimento do volume de vendas dentro desse modelo é muito rápido, possuindo uma incrível capacidade de escalabilidade.

Entretanto, implementar o modelo de venda recorrente no seu negócio exige muita análise e planejamento.

O modelo pode garantir mais estabilidade no seu fluxo de caixa. Mas é importante saber como estruturar toda a operação para sobreviver no período inicial da aplicação, que é o mais difícil.

Nós, do Mentalidade Empreendedora, nos dedicamos muito a estudar, desenvolver e aplicar a venda recorrente em modelos de negócios dos mais variados nichos de mercado.

E você também pode contar com a nossa ajuda para estruturar o seu modelo de venda recorrente.

Que tal participar de nossa tribo e se juntar a centenas de empreendedores no Brasil que estão aprendendo a usar a venda recorrente? Clique no botão abaixo e saiba mais!

venda recorrente