“Empreender não é para você”. Pare de acreditar nesta besteira

empreender

“Nem todo mundo pode ter um negócio”, “Essa coisa de empreender é só para quem tem dom”, “É questão de sorte”, “Nasci para ser empregado”, “Um salário mínimo para mim está bom”, “Ser funcionário é mais fácil que ser patrão”.

Essas são algumas das crenças (limitantes) que rodam por aí. Elas não passam de pré-conceitos determinados pelas escolhas e pelas influências que recebemos no decorrer da vida. Não se deve limitar com esse tipo de pensamento.

Se não, você estará fadado a viver uma coisa que não gosto nem de citar: a mediocridade. Parece papo de quem deseja vender alguma coisa, não é? Pois é, estou mesmo querendo te vender algo: uma nova mentalidade. E, inicialmente, é em troca apenas da sua atenção.

Se você está conformado com a vida que está levando, aviso que este conteúdo não é para você. Mas se acredita que pode melhorar de vida, e que as coisas podem ser mais emocionantes, aconselho que continue e veja como é possível se tornar um empreendedor.

Todo mundo Pode Empreender?

Os descrentes acreditam que não. Argumentam de forma pessimista que isso é coisa para privilegiados, para gente de sorte, para herdeiros e para quem já tem dinheiro para começar. Para eles é questão de destino, de vontade divina, ou até mesmo obra do acaso.

Mas a verdade é que é possível sim que todos empreendam. Se você limitar o tema a ter uma empresa tradicional, realmente verá que são poucos os que conseguem. Porém, se entender que empreender é atitude e  estilo de vida, terá outra visão sobre o assunto.

Dá para ser um empreendedor dentro de seu emprego, sendo vendedor direto, produzindo quitutes, trabalhando com modelagem, sendo escritor, músico, professor, médico, enfim… Em toda área é possível empreender.

Existe Um Empreendedor Dentro de Cada Um

Independente se a pessoa é empreendedor por oportunidade, ou por natureza, uma coisa é certa: a disposição e o risco estarão presentes. Uma pessoa empreendedora é a que não se conforma com o normal, com o padrão que a sociedade impõe. É o mesmo que é chamado de louco porque deseja mudar o mundo.

O dinheiro é aspecto importante, mas não é o principal motivador. É consequência de um plano maior de realização: fazer seu próprio negócio dar certo, ter autonomia, trabalhar com o que ama, ter mais liberdade, etc.

Se isso não te convenceu ainda, separo 3 razões para acreditar que todos podem empreender:

#1. Empreender não é um dom

Diferente do que alguns pensam, ninguém nasce empreendedor. Na verdade é um conjunto de ações e de hábitos que fazem uma pessoa empreendedora, e não traços de personalidade herdados na genética.

Ou seja, qualquer pessoa pode aprender a agir como empreendedor. É uma questão de escolha individual e não uma tendência natural, um dom ou alguma consequência natural do ambiente em que a pessoa está inserido.

#2.  Dinheiro não é tudo

De tempos em tempos nos deparamos com casos de sucesso de algum empreendedor que deu o start em seu negócio sem um dinheiro sequer, ou com pouco dinheiro. Estamos na era da informação, o que torna as coisas mais alcançáveis e aceleradas.

Se você definir metas e ir atrás dos investimentos necessários para alcançá-la,  tendo inteligência e força de vontade, poderá alcançar seus objetivos. E um dos conceitos que sustenta isso é que o risco de falhar é menor. “Apostar somente o que pode perder” é uma atitude muito eficiente.

#3. Você não precisa encontrar uma oportunidade para empreender

Muita gente termina a vida sem ter trabalhado com algo que valesse a pena, simplesmente por ficarem esperando a oportunidade chegar. Você não precisa esperar nenhuma, por pode, na verdade, criar. Essa é outra razão para não impedi-lo de progredir.

Empreendedores quase sempre não acreditam em pesquisas de mercado. Ao contrário, creem que o futuro é impulsionado principalmente pela atitude, que é intrinsecamente imprevisível. Nesse caso, eles optam por tentar controlar e modelar o futuro ao invés de predizê-lo com dados. Como diz Peter Drucker, “a melhor maneira de prever o futuro é criá-lo”.

“Maravilhoso, mesmo não sendo perfeito!”

Recentemente lancei um post falando sobre abrir empresa e ter um negócio eficiente. Nele levantei a reflexão pela busca de um sistema funcional de empresa, mostrando uma luz no fim do túnel com o tema: relevância.

Expliquei que um negócio pode ser relevante, se apresentar escalabilidade e abrangência. Sugiro que reserve um tempo para ler o post e descobrir como você pode elevar sua atuação como empreendedor.

Entendendo esses dois caminhos, ou seja, que todo mundo pode empreender, e que um negócio pode ser maravilhoso mesmo não sendo perfeito. O importante é     que você comece. E depois não desista.

Se alguém lhe disser que empreender não é para você, fecha os ouvidos. Pare de acreditar em besteiras que dizem que você não pode.

Então…

Se você chegou até aqui é porque está realmente interessado em mudar de vida e acredita que é possível abrir empresa e viver melhor como empreendedor. Te faço um convite: Cadastre-se no link abaixo e receba mais conteúdos exclusivos sobre a criação de negócios.

Quero saber como eu posso empreender de verdade!

  • Oi Pedro,

    Esse artigo é realmente motivador e encoraja as pessoas a vencer sequelas deixadas pelos pensamentos impostos pela sociedade.

    Cada um tem um Empreendedor dentro de sí. Mas a maioria não consegue desenvolvê-lo por culpa da própria mente.

    Além dos exemplos que você citou no artigo de que a maioria pensa que Empreendedor é aquele que tem dom, nasce rico ou tem muita sorte, acredito também que outro pensamento que impede 90% das pessoas da dar iniciativa no Empreendedorismo é pensamento de que nada é garantido.

    Como se alguma coisa na vida fosse garantido não é mesmo? Nem a própria vida.

    O fato é que, aqueles que se dispõe a correr riscos, mesmo errando muito, acabam uma hora aprendendo o caminho certo e prosperando.

    Abraços!

    • Pedro Quintanilha

      Muito bom Danilo, obrigado pelo seu comentário. Cara deixa eu te fazer uma pergunta. Qual é o seu projeto hoje? Compartilha conosco. Seria muito legal te ouvir nesse sentido.

  • Pedro. Seu blog foi o primeiro lugar no qual conheci o mundo maravilhoso do Internet marketing em 2012. Sou grato a ti por isso. Estou conciliando a faculdade de medicina com um futuro negócio digital que estou montando, que espero poder transformar muitas vidas com ele. Esse movimento do conrado será um novo Ijumper?

  • Oi Pedro, muito bom seu artigo!
    Depois que descobri que o sucesso está ligada a mente que devemos ter, não apenas nas ações, tudo ficou mais fácil!
    Te convido a conhecer meu blog, criei recentemente um artigo que fala sobre isso http://mudarpraserfeliz.com/mindset-avancado-sucesso/
    Depois dá uma passada lá e ve o que acha, Um grande abraço!