Como Construir Uma Vida Dentro Dos Seus Próprios Termos e ter Mais Liberdade

PUBLICIDADE

Como CONSTRUIR UMA VIDA DENTRO DOS SEUS PRÓPRIOS termos e ter MAIS LIBERDADE 

Você tem liberdade pra construir um negócio nos termos que você quiser. 

Talvez você esteja preso a um sistema ou a uma forma de pensar negócios. Talvez porque você está acostumado com o ambiente corporativo convencional ou porque você presta um serviço e se enquadra dentro dos critérios da sua profissão… 

PUBLICIDADE

Muitas vezes ficamos presos aos padrões que aprendemos de alguma forma que “deveria ser assim” e meu objetivo aqui hoje é te ajudar a questionar esses padrões. 

Para isso, vou dividir uma história que me marcou muito e que eu nunca contei publicamente. 

Eu e o Juvenal Valentim, membro do Mentalidade Master, trabalhamos na mesma empresa de consultoria. 

Na época, a gente gostava do que fazia, comprava a visão e etc. 

Em um belo dia, o nosso chefe (com a expectativa de motivar e fazer com que a gente quisesse crescer, trabalhar com mais força e tudo mais) foi dar uma “reunião motivacional” pra gente.

Dentro dessa reunião ele começou a falar sobre futuro, sobre a perspectiva dele pro negócio, como ele via a gente dentro da empresa crescendo, que um de nós 2 iria assumir o escritório da região, que ele queria abrir um escritório em São Paulo e o outro de nós 2 iria assumir esse escritório em SP, que a gente estava naquela realidade trabalhando dentro de uma perspectiva de crescimento num ambiente corporativo (que, inclusive, era obrigação usar terno e eu andava no sol do RJ de terno) e etc…

O escritório que a gente trabalhava era de frente pro canal (com água salgada que se liga ao mar), papo vem papo vai… 

Eis que ele deixa escapar que o que ele queria era a gente trabalhando e desenvolvendo o negócio enquanto ele e a esposa estariam passando de barco no canal dando “tchau” pra gente. 

Quando ele falou isso, não entrou como “uma palavra de motivação”, como ele queria. 

Eu pensei “Eu não quero isso. Eu quero construir um negócio que possa ME proporcionar liberdade. Essa proposta é totalmente contra o que eu idealizo pra minha própria vida.” 

Nada de errado em ter um time trabalhando enquanto outras pessoas se divertem. Mas o que eu sempre almejei na minha vida era poder ir pra praia numa segunda-feira, se eu quisesse, mesmo que eu tenha que abrir mão de trabalhar no domingo ou feriado se precisasse. 

Uma coisa que sempre me marcou foi conseguir olhar pra esse ambiente que as pessoas “ditam” como tem que ser, por exemplo: trabalhar de segunda a sexta, ai na sexta “sextou”, joga tudo pro alto e vai viver a vida… E fica nessa de se arrastar 5 dias pra “viver” 2 no fim de semana.  Como se fosse um castigo durante um determinado período pra ter 2 dias de “relax”. 

Eu nunca quis que isso fosse verdade na minha vida, mas naquele momento era. 

E eu comecei a vislumbrar a possibilidade de algo que me proporcionasse essa liberdade dentro do mercado digital.

Quando eu falo de liberdade, falo das 3 liberdades que é muito comum dentro do mercado digital. Escutei muito do Jeff Walker sobre isso e me marcou. 

A liberdade de tempo, geográfica e financeira. 

A liberdade de tempo, pra mim, significa: Fazer aquilo que você quer fazer no tempo que você determinar. Você não é refém de feriado, dia da semana… Você é livre. Não existe hora pré-determinada pra cumprir. 

A geográfica: Escolher onde trabalhar. O que é curioso que eu escolhi continuar na mesma cidade, o que antes seria impossível ter essa opção. Mas se eu quiser mudar hoje, nada me impede. Eu sou livre pra escolher. 

A financeira: Ter recursos financeiros de forma abundante ao ponto de não ter limites para aquilo que você deseja conquistar. 

Eu escolhi criar um negócio que me possibilitasse viver e desfrutar dessas 3 liberdades. 

Eu escolhi construir um modelo que pudesse sustentar esse estilo de vida livre, com esse valor da liberdade que sempre foi forte pra mim. 

O que é legal é que você pode fazer o mesmo. 

Você pode escolher criar algo que te possibilite viver uma vida diferente.

Quais são os passos pra você começar a construir um negócio baseado nos seus próprios termos? 

1 – Saiba aquilo que faz sentido pra você, seus valores, seus inegociáveis. 

Saber seus inegociáveis é muito poderoso. 

Então coloca no papel respondendo essas perguntas: 

O que te move? 

O que te faz acordar de manhã? 

O que você faz até de graça? 

2 – O que você não quer 

Às vezes a gente não sabe o que quer, mas a gente sabe o que não quer. Isso é uma pista. 

Quando eu comecei o meu negócio, eu não sabia direito o que eu queria, mas eu sabia o que eu NÃO queria. O que eu não queria era viver preso ao sistema tradicional de trabalho. 

Isso me impulsionou pra um outro ambiente. 

3 – Cerque-se de pessoas que estão na mesma busca que você

O ambiente que você está, que você convive, não determina seu resultado. Isso é um fato. 

Você pode estar na China Comunista, no Uzbequistão, você ainda pode ter muito resultado. 

Agora, o ambiente te influencia. O ambiente é regido pelas pessoas, relacionado à mentalidade das pessoas que você convive. 

Você pode até pensar diferente, mas é muito mais fácil você estar cercado de pessoas que queiram as mesmas coisas que você. 

Essas pessoas vão te influenciar positivamente na construção do negócio nos seus próprios termos. 

Então pega papel e caneta e escreve seus valores, seus inegociáveis, o que você não quer e as pessoas que você gostaria de se conectar. 

A partir daí você vai se aproximar, dando seus primeiros passos pra construir um negócio nos seus próprios termos. 

Eu vou ficando por aqui, valeu! 

PUBLICIDADE