Você nunca vai ficar rico trabalhando como Afiliado!

PUBLICIDADE

 

É possível ficar rico trabalhando como afiliado? 

 

O mercado de afiliado é um mercado atrativo. Pra quem ta começando, há muita promessa de dinheiro rápido. Não que não seja possível, mas com  a minha experiência de 1 década no mercado digital, tendo começado como afiliado, não vejo como um fim para enriquecer, é um meio que abre a porta de um novo mundo de possibilidades que é o mercado digital.

 

O principal fator que me fez parar de vender como afiliado foi quando eu investi um valor alto para promover um produto de um parceiro, que ia ser lançado, e no meio do processo o produtor tirou o produto do ar e eu perdi todo meu dinheiro investido.

PUBLICIDADE

 

Isso me mostrou que há um risco completamente fora do meu controle de gerenciamento. Se eu construir um negócio sob essa base, vou assumir riscos desnecessários. 

 

A partir desse episódio, comecei a olhar para a seguinte ótica: As competências de alguém que vende bem como afiliado são muito bem aproveitados como alguém que vende o seu próprio produto. Então, se você tem a visão de crescer seu negócio, se posicionar e ter uma visão de longo prazo, não somente “ganhar um dinheirinho na internet”.

 

Por que um “dinheirinho”? 

 

O afiliado consegue desenvolver as habilidades de atrair e vender um produto, mas não tá ao alcance dele a habilidade de manter o cliente. De trabalhar a retenção, a recompra, a continuidade. Porque o cliente não é dele. 

 

Dentro do aspecto de uma empresa lucrativa e de longo prazo, é essencial trabalhar margem, recorrência e escala. 

 

Quando eu trabalhava como afiliado, uma forma de “burlar” isso e fidelizar a mim uma pessoa que comprou o produto que eu promovia, era oferecendo um bônus meu. Então, ela comprava um produto que eu era afiliado e ganhava algo a mais se ele comprasse de mim. Ou seja, eu fazia ele se tornar o meu cliente, podia vender outras coisas pra ele e tudo mais. 

 

Outro fator, é que a pessoa é atraída pro mercado pra solucionar uma dor imediata: Fazer dinheiro rápido. Aí vem “Faça 500 reais por dia trabalhando de casa” e essas coisas que são um pensamento de curtíssimo prazo.

 

Quem constrói uma grandes riquezas, muda o pensamento de parar de pensar “dia” e “mês”, pra fazer um planejamento anual e um acompanhamento de medição semestral e trimestral. 

 

Margem de lucro de produto próprio X afiliado 

 

A demanda de produção de um produto mais a demanda de suporte, se estabiliza. Ela entra na estrutura de custo fixo. Em comparação, a demanda da possibilidade de vendas, é exponencial. 

 

Esse é o motivo de ninguém ficar rico como afiliado. Quando você é afiliado, você não consegue ter a escala necessária e suficiente de geração de valor ao ponto de te enriquecer. 

 

O que você deveria fazer se quiser tornar o “jogo de afiliado” como um negócio grande com objetivo de enriquecer?

 

Como objetivo de ilustrar, vamos colocar o alvo de um negócio de 10 milhões anuais. Então, como alguém que trabalha de casa, como afiliado, vai construir um negócio de 10 milhões? 

 

Ele vai precisar vender MUITO. Pra vender muito em uma escala que sustente esse tamanho, ele precisa de um time. Ele já está comprometido, porque a margem dele está limitada a uma comissão que é definida pelo produtor.

 

Qual é o ponto: Sozinho, você é limitado. Se você não quer jogar o jogo de construção, de longo prazo, de ter equipe e, consequentemente, te dar muito mais trabalho e possibilidade de crescimento, tá tudo bem se manter como afiliado. 

 

Resumo: Se você quer construir algo grande, de muito valor, de transformar vidas, famílias e tudo mais, o mercado de afiliado não é um fim. Tá tudo bem começar como afiliado, mas você vai ter que evoluir e construir uma empresa de fato, um negócio. 

 

O mercado de afiliado vai te dar a oportunidade de desenvolver a habilidade de vender. Se você vende um produto de alguém, você consegue vender um produto seu também!

PUBLICIDADE